Deixe um comentário

Kesha volta atrás e explica declaração sua sobre “Die Young”: “Forçada não é a palavra certa”

Complex 2010 PhotoshootKesha pronunciou-se a respeito de sua chocante declaração sobre “Die Young”.

Após ter sua canção removida das rádios por conta do trágico massacre na escola primária Sandy Hook, a cantora disse que concordava com a ação, revelando ainda que havia sido forçada a cantar a música dessa forma.

Agora a popstar voltou atrás, declarando que usou as palavras erradas para expressar-se. “Após um evento tão trágico, eu estava sentindo um monte de emoções e tristeza quando disse que fui forçada a cantar uma parte da letra de ‘Die Young’. ‘Forçada’ não é a palavra certa”, escreveu em seu site.

Ela ainda continuou, dizendo: “De fato eu tive preocupações com a frase ‘morrer jovem’ no refrão quando estávamos compondo a letra, especialmente porque muitos dos meus fãs são jovens e foi por isso que escrevi diversas versões para ela. Mas o ponto principal da canção é a importância de viver cada dia ao máximo e manter-se jovem de coração, e essas são coisas que eu acredito de verdade”.

Além de Kesha, a banda Foster The People também foi prejudicada e viu seu hit “Pumped Up Kicks” ter suas execuções diminuídas vertiginosamente nas rádios norte-americanas.

As informações são do Vagalume News.

Sobre Marcelo Henrique

"Entre no The Breakout e fuja desse mundo tão real."

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: